Alcance a organização financeira em seu negócio

moedas e cédulas em cima de uma mesa

Seja grande, seja pequena, não importa o tamanho da empresa, todas precisam ter sustentabilidade financeira para serem lucrativas. Saiba como a organização financeira pode ajudar o seu negócio neste artigo.

Sustentabilidade ainda é um termo que causa estranhamento em muitos profissionais do ramo empresarial, quando o assunto não é o meio ambiente. Se esse é o seu caso, este artigo é fundamental para você. Isso porque ser sustentável, atualmente, é quase um sinônimo de organização financeira.

Afinal, ser sustentável é conseguir administrar, da melhor maneira possível, todos os seus recursos disponíveis. Teoricamente, é simples. Basta ganhar mais do que gastar, mas, convenhamos, nem sempre é uma tarefa das mais simples fazer com que isso aconteça, já que exige ações como padrões de consumo e produção controláveis, ser racional na tomada de decisões e, claro, um controle diário do orçamento.

Quem almeja ser bem-sucedido precisa seguir esses direcionamentos, especialmente, quando se trata de uma empresa. Cada centavo que entra ou sai é fundamental. E muitas, justamente por não cumprirem com esses princípios que aparentam ser de fácil entendimento, acabam quebrando.

É claro, que, se você leu até aqui, este não será o seu caso.

Acompanhe este artigo até o fim e saia com um entendimento completo sobre a importância da organização financeira para gerar sustentabilidade.

Os benefícios da organização financeira para a sua empresa

É bastante comum ver empresários colocando operações diárias de vendas à frente das estratégias e planos financeiros, porém estabelecer um orçamento e definir aonde quer chegar com metas e projeções é tão importante quanto qualquer outra movimentação interna.

Veja exemplos de ações importantes:

Acompanhar o fluxo de caixa

Controlar entradas e saídas é uma das principais ações a serem realizadas. Com isso, é possível ter uma visão mais ampla do negócio, mensurar ganhos e perdas e administrar a movimentação financeira

Não deixar pequenas despesas em segundo plano

Salários, aluguel, fornecedores e outras contas maiores são realmente importantes, mas não podemos esquecer de serviços como água, internet e luz. É preciso considerar todos os gastos para que sua empresa se mantenha saudável.

Pesquisar as condições de bancos

Fora as grandes empresas, é um movimento natural que, em algum momento, empresários busquem empréstimos. Quando este momento chegar, é importantíssimo que seja feita uma triagem levando em conta coisas como juros, burocracia e condições de pagamento.

Sustentabilidade financeira com os 4 Gs

Quando lá no começo do artigo citamos que o termo sustentabilidade é muito comum quando falamos do meio ambiente, o mesmo entendimento também é visto em conceitos. Os 3Rs do ambiental (recusar, reutilizar e reciclar), quando falamos do financeiro, foram alterados para os 4Gs pela educadora financeira Carolina Ligocki.

Gerar, gastar, guardar e ganhar, ainda que de forma extremamente didática, em cada um, há um campo de possibilidades, que se forem bem explorados podem levar o seu empreendimento a se estabilizar nas finanças.

Gerar

Todo o lucro deve ser utilizado de maneira consciente e existem muitas maneiras de fazer isso acontecer. As mais tradicionais são: reinvestir no capital de giro, na estrutura do negócio ou, até mesmo, fazer um investimento de longo prazo.

Gastar

Reúna sempre todas as informações sobre entradas, gastos e pendências financeiras. E mantenha sempre separados os seus gastos pessoais dos gastos empresariais. Afinal, a regra é clara: quando há a união de contas pessoas com as contas empresariais, a organização financeira não virá.

Guardar

O fluxo de caixa mostra o comportamento das movimentações financeiras do seu negócio e permite que você identifique para onde o dinheiro está indo. Dessa forma, você consegue identificar gargalos e fontes de desperdício e, dessa forma, seu dinheiro estará sendo utilizado de maneira mais eficaz.

Ganhar

Este é o principal ponto de todo o processo para uma organização financeira. Ter um dimensionamento inadequado das necessidades financeiras do negócio é uma das principais razões para as empresas fecharem as portas. Segundo pesquisa do Sebrae, isso acontece com frequência em menos de dois anos.

O que fazer para isso não acontecer?

Agregue o planejamento financeiro a sua empresa

A amplitude do universo empreendedor é complexa em alguns momentos, por isso, é importante a parceria estratégica de uma empresa como a Priorizzi, que auxilia no desenvolvimento de um planejamento financeiro adequado, com suporte administrativo eficiente.

É necessário ter em mente que todas essas práticas afetam a imagem da empresa e, por consequência, o seu faturamento. E, como pudemos identificar ao longo deste artigo, aumentar o faturamento e os lucros é crucial para que um empreendimento estabilize suas finanças e possa continuar se desenvolvendo.

Comece agora mesmo as mudanças necessárias em sua empresa, peça uma proposta sem compromisso clicando aqui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Iniciar conversa
Precisa de ajuda?
WhatsApp
Olá! Podemos ajudar?